terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

ENFRENTAR OS DESAFIOS PARA SEGUIR ADIANTE.




             Às vezes temos a impressão de que o caminho que havíamos planejado para chegarmos a um determinado objetivo levará mais tempo do que imaginávamos, e que a rota que estamos trilhando parece nos levar por trajetos tortuosos, cheios de pedras, e com constantes desafios. A gente se esforça para percorrer rumo a direção certa, que nos leve direto para o horizonte repleto de oportunidades, e que nos propicie muitas realizações, no entanto, muitas vezes as dificuldades tentam nos empurrar para fora do trajeto, e tudo se torna mais difícil e limitado. E nos "desmotivamos" quando vemos nossas expectativas se arrastando diante das impossibilidades, e quando sentimos que nossos esforços estão sendo pequenos diante do que é necessário ainda ser feito. Todavia, mediante essas situações nós só temos duas direções a seguir, ou "desistimos" e paramos no ponto onde estamos, ou "desafiamos" as limitações e seguimos adiante, "compenetrados" naquilo que queremos alcançar, independente das barreiras que precisemos ultrapassar.
 
A palavra para hoje é FOCO.

(Mariana Helena de Jesus)
 

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

CONTINUAR PLANTANDO AS SEMENTES DOS NOSSOS PROPÓSITOS.


             A gente não pode deixar de ir mais além, deixando de fazer algo mais, diante de um propósito que estamos batalhando para alcançarmos. Enquanto a "realização" não acontece o terreno fica a disposição para que continuemos a semear as sementes dos nossos esforços. Enquanto a "vitória" não chega, é preciso continuarmos empenhados em atingirmos as metas necessárias para chegarmos até o pódio, mesmo que acreditemos ter feito tudo o que poderíamos fazer, há sempre um "algo mais" que ainda pode ser feito em prol do nosso objetivo. Se os obstáculos forem maiores e mais numerosos do que imaginávamos, tudo bem, nós temos a capacidade de superá-los. "Dedicar-nos a ação", dedicar-nos ao ato de "persistir" na plantação, enquanto o tempo da colheita não chega, essa é a "fórmula" para não "abandonarmos" nossos propósitos, seja por comodismo, descrença, ou até mesmo por falta de persistência. Enquanto houver tempo, continuemos a plantar.

                                  A palavra para hoje é DEDICAÇÃO.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

OBSERVAR O PORQUÊ DAS LIMITAÇÕES NO CAMINHO.


            Se você continua enfrentando muitos obstáculos e impossibilidades para obter o resultado positivo de uma determinada situação, a qual achava ser bem mais fácil alcançar, e já se desdobrou mais do que imaginou que fosse preciso, e mesmo assim ainda continua distante do ponto que determinou chegar, possa ser que alguma coisa ainda não esteja sendo feita da maneira que deveria ser, ou quem sabe, que algo pudesse também ser feito de outra forma, por outros caminhos, seguindo outra direção. Muitas vezes um objetivo que nos propomos conquistar não é Impossível de realização, os "meios" que estamos utilizando, ou os "percursos" que estamos percorrendo é que estão tornado a constatação do nosso propósito mais difícil. Por isso, quando sentimos aquela sensação de "nadar, nadar, e morrer na praia", é porque não estamos obtendo os resultados favoráveis conforme as metas que traçamos, perante o tempo que planejamos para atingirmos a vitória. Então, quando o nosso desempenho não está alcançando o ponto esperado, é hora portanto de "reavaliarmos" nossas rotas, nossos passos, e "observarmos" a possibilidade de outras trilhas, pois "persistir" é essencial, mas desde que seja por trajetos que realmente nos permita a oportunidade das realizações.

A palavra para hoje é REFLEXÃO.


quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

FRANQUEZA PERANTE TEUS POSICIONAMENTOS.


              Não tenha medo de expor​ a sua verdadeira "opinião" diante de situações que exijam que você se posicione. Não se limite a fazer apenas o necessário quando você sabe que precisa, e que pode fazer mais diante de contextos que realmente necessitam da tua contribuição, pois embora hajam circunstâncias que te desapontem ou que são contrárias a tua opinião, você não deve medir esforços para executar bem o que tiver de ser feito, e de demonstrar também o que tiver que ser dito. Às vezes você pode perder a oportunidade de mudar alguma coisa por falta apenas de uma "atitude" ou de uma "conversa", pois um "momento" pode ser transformado favoravelmente ou negativamente de acordo com um "sim" ou um "não" vindos de você. Seja como for, independente das dificuldades, das circunstâncias, das contrariedades, e da opinião alheia, não te omitas, e nem te submetas ao que fere teus princípios, ao que não corresponde as tuas expectativas, e ao que nada te acrescenta, haja conforme a tua consciência, porque seja como for, você sempre responderá pelos resultados das escolhas que optar, das decisões que tomar, das palavras que proferir, e do silêncio que fizer.

A palavra para hoje é SINCERIDADE.


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

CONTROLAR O GÊNIO E AS ATITUDES INSENSATAS.


             São situações imprevistas, circunstâncias inesperadas, e pessoas ignorantes e insensíveis, que por vezes atropelam o ritmo tranquilo do nosso dia, e alteram desfavoravelmente o nosso humor. É difícil lidarmos tranquilamente com as atitudes ríspidas e egoístas de algumas pessoas, como também é difícil nos conduzirmos calmante em meio às situações desfavoráveis que nos surpreendem e agirmos despreocupadamente perante os contextos limitados que paralisam nossos planos. Mas, se nos deixarmos guiar pela emoção insensata dos nossos pensamentos atônitos, então perdemos a "razão" e nos transbordamos de "impaciência" e de "irritabilidade", podendo assim colocarmos em risco algumas relações ou resultados de alguns projetos que estamos buscando conquistar. Muitas vezes é necessário sermos mais "flexíveis e passivos" diante de algumas situações cotidianas, pois nossa "intransigência" pode nos qualificar tão negativos e arrogantes quanto às pessoas e as circunstâncias que tendem a nos afrontar.

A palavra para hoje é TOLERÂNCIA.


terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

AS LIÇÕES ATRAVÉS DOS SOFRIMENTOS.


               Haja o que houver diante dos teus dias que possa desequilibrar o ritmo dos teus passos, e que venha a atrasar os resultados de tuas expectativas mediante o teu trajeto, não veja os obstáculos como "impossibilidades permanentes" aos teus propósitos. Alguns dias podem ser de fato muito "pesados", mas é preciso compreendermos que todos os percalços que se colocam como barreiras entre nossos objetivos são apenas "contratempos temporários", e por alguma causa, que na maioria das vezes não entendemos, possuem uma razão para acontecer. Seja para nos amadurecer, para nos mostrar outros caminhos, ou por consequência de nossas imprudências, a verdade é que todo "obstáculo" que atravessa o nosso trajeto pode nos ensinar alguma coisa, mesmo que de forma dolorida e indesejável, mas uma das grandezas da vida é exatamente essa, "aprendermos" e "crescermos" até mesmo com a dor, com os sofrimentos, e com as quedas e frustrações. E mesmo que o "agora" muitas vezes pereça desafiador ou problemático demais, em algum momento tudo se resolve, e o tempo que traz as resoluções também nos serve de mestre.

A palavra para hoje é APRENDIZADO.


segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

RESISTIR AOS MOMENTOS DE DIFICULDADES.



Não há vitória se não houver esforço aguerrido diante do percurso até o pódio, tampouco se alcança o sucesso quem não se dedica a executar as metas traçadas para conseguir acertar o alvo escolhido. Não há superação de obstáculos sem determinação, nem se vence uma batalha sem cansaço, também não há sofrimento que seja ultrapassado sem que antes se vivencie os limites da dor e da resistência. A vida é cotidianamente um cenário cheio de portas repletas de possibilidades, de oportunidades, mas também de riscos, de limitações, e de desafios. Não há aquele que passa pela vida sem sofrer, sem chorar, sem doer, sem cair, sem levantar, e sem perder, ou sem ganhar. Todos nós, em algum momento nos confrontamos com várias adversidades no caminho, alguns problemas são resultados de nossas próprias atitudes, outros contratempos surgem sem que pudéssemos evitá-los, mas seja como for, a "superação" depende da gente mesmo, de como nos colocamos diante de cada etapa, de cada dificuldade, e de como "suportamos" as fases e circunstâncias desfavoráveis, sem deixarmos de lutar, e sem deixarmos de acreditar na capacidade de nossa força, pois qualquer problema por maior que seja, um dia passa. 

A palavra para hoje é RESILIÊNCIA.