sexta-feira, 26 de maio de 2017

ENCERRE OS CICLOS.





                Não podemos querer viver um período "novo" se ainda estamos estagnados em "antigos" períodos com etapas não encerradas. Não devemos iniciar um novo ciclo sem termos encerrado outros, ou seja, não é possível obter logo alguns resultados sem antes concluirmos todas as metas até chegarmos ao alvo determinado. É imprescindível estarmos conscientes sobre os "desprendimentos" e os "adeus" que são necessários para iniciarmos novas fases. Para que "mudanças" ocorram é preciso que alterações aconteçam, que etapas sejam concluídas, que algumas coisas sejam executadas, e outras deixadas para trás, pois é importante que algumas portas se fechem para que outras possam se abrir. Muitas vezes o que nos impede de obtermos o que estamos almejando são justamente as coisas "paradas" no meio do nosso caminho, são as situações ainda não resolvidas que precisam ser solucionadas, são questões que precisam ser concluídas, e são especialmente as "vírgulas" e "reticências" que colocamos no lugar onde deveríamos ter colocado os "pontos finais". A primavera só desabrocha depois do encerramento do inverno, e assim, uma nova estação sempre começa, após o adeus de uma outra.

A palavra para hoje é FINALIZAÇÃO.


quinta-feira, 25 de maio de 2017

CUIDADO COM A PRESSA.


            Frequentemente esperamos por novidades em nossa vida, buscamos algo diferente, desejamos contextos favoráveis que possam mudar a rotina enfadonha de nossos dias, e alterar nosso percurso com uma nova rota que nos leve a horizontes prósperos e motivadores. Mas, em muitos momentos a "pressa" é nossa maior inimiga, porque através dela muitas vezes queremos alcançar um propósito com "imediatismo", e dessa forma acabamos ignorando passos importantes perante o trajeto, acabamos tentando pular etapas que são necessárias passarmos para poder chegarmos onde queremos, como também podemos nos arrepender por decisões tomadas precipitadamente. Evidente que não é satisfatória a nossa condição de precisar nos submetermos as imposições das circunstâncias, todavia, é preciso baixar a cabeça e aceitar que diante de alguns percursos de nosso caminho, não seremos os condutores das situações, e sim conduzidos pelo contexto de cada uma delas. Se é preciso esperar, esperemos, se for preciso diminuir o passo, então façamos. Se for necessário mais alguns esforços, vamos nos empenhar, só não permitamos que a "impulsividade" e a "impaciência" resultantes de nossa "pressa" sejam nossas condutoras perante os momentos que precisamos agir com "coerência".

A palavra para hoje é PRUDÊNCIA.


quarta-feira, 24 de maio de 2017

A RECOMPENSA VEM PARA OS QUE SE ESFORÇAM.



              Se suas expectativas ainda não são satisfatórias sobre algo que você vem se empenhando para concretizar, então não desperdice mais tempo buscando apontar as falhas ou as impossibilidades que estão atrasando a concretização​ de seus propósitos. Ao invés das lamentações, da impaciência e da pressa em obter logo os resultados, "doe-se" ainda mais perante aquilo que pode surtir efeito através de seus esforços. Uma semente plantada raramente deixa de germinar em uma terra bem cultivada, sendo assim, faça jus ao ditado que diz "não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje". Se ainda há o que se fazer, faça. Se há algo que pode melhorar através de suas atitudes, mãos a obra. Se ainda há tempo para cultivar o seu terreno plantado, cuide bem da terra. De fato, pode até ser desmotivante e cansativo tantos esforços perante coisas que você não tem certeza se darão certo ou não, mas para saber realmente, o caminho é somente​ um: você precisa "empenhar-se".

A palavra para hoje é DEDICAÇÃO.


terça-feira, 23 de maio de 2017

AGIR MAIS, SEM ESPERAR TANTO DOS OUTROS.



              Quando algo que você espera da vida, das pessoas, ou das situações, não acontece, então mude seus planos, refaça suas estratégias, diminua suas expectativas no mundo, e coloque mais "credibilidade" nos "esforços" que você desempenha​ perante os objetivos que se propõe alcançar. "Acreditar" mais em sua própria capacidade, "apostar" mais em suas decisões e escolhas, e "confiar" no caminho que decidir trilhar, tudo isso é essencial para que você explore mais de seu próprio potencial, e não espere "mais" dos outros do que aquilo que pode conseguir através de si mesmo. Nem sempre a vida ou as pessoas vão trazer as respostas que você aguarda, no tempo que você quer ou da maneira que você espera, por isso, na maioria das vezes não dá para ficar parado, de braços cruzados, lamentando-se pelo que não deu certo, enquanto espera que respostas caiam do céu como se fossem milagres. Muitas vezes os resultados dependem mais de você, e portanto, é você quem deve ir buscá-los, é você quem pode assumir a direção da sua vida e o controle dos seus passos, para chegar até onde determinar alcançar. Às vezes "esperar demais" pelos outros é "agir de menos" por você mesmo. Faça a sua parte, se você "quer", corra atrás, voe o mais alto que puder.

A palavra para hoje é INICIATIVA.


segunda-feira, 22 de maio de 2017

REFAZER OS CAMINHOS E AS ESTRATÉGIAS.


             E quando algumas coisas​ não surtem o efeito que esperamos, quando não conseguimos cumprir algumas metas que traçamos, e quando alguma porta se fecha diante das nossas tentativas por realizações, é preciso aceitarmos que algumas rotas se encerram mesmo antes de nos levarem ao destino final. Infelizmente nem todos os nossos planos se cumprem​ da maneira como projetamos, e inevitavelmente apesar de todos os nossos esforços, alguns de nossos propósitos fracassam antes de conseguirmos conquista-los. Mas nem por isso, essas "impossibilidades" no meio do caminho determinam um limite inalcançável para os nossos passos. Alguns "fins" são apenas novas maneiras para "tentarmos de novo" as estratégias que não deram certo, ou para iniciarmos outros percursos, por novas direções.

A palavra para hoje é RECOMEÇO.


quinta-feira, 18 de maio de 2017

A NECESSIDADE DO PERÍODO DA ESPERA.



               Mesmo que algumas vezes pareça que perdemos o controle sobre algumas coisas em nossa vida, e se por mais que nos esforcemos não conseguimos mudar alguns fatos ou circunstâncias desagradáveis, ainda assim, em algum momento algo novo poderá ocorrer, e o contexto que estamos vivenciando poderá sofrer alterações positivas, e as mudanças nos possibilitem trilhar por rotas mais favoráveis. Muitas vezes tudo parece está fora do lugar, fora do nosso alcance, tudo parece conspirar contra nós, reagindo contra nossos esforços, derrubando nossas projeções, impedindo nossas tentativas, quebrando nossas expectativas, mas é apenas uma fase ruim, um momento desfavorável, uma situação passageira. Então dada as circunstâncias, o tempo muda tudo, trás todas as respostas, e controla todos os ventos, porque o "tempo" é tão somente um sopro de Deus, que Ele usa para paralisar a ação de todas as adversidades, acalmando as turbulências das situações imprevistas e indesejáveis. É por isso que é tão imprescindível saber "silenciar", "tranquilizar-se", e "esperar" diante daquilo que não podemos mudar ou alcançar de imediato. Pois o que geralmente surge de forma tempestuosa, negativa, ou incontrolável, normalmente​ tem um período para se desfazer, para mudar, para desaparecer, todavia precisamos "entender" e "aceitar" que para o tempo "agir" é necessário o nosso período de espera.

A palavra para hoje é RESIGNAÇÃO.

(Mariana Helena de Jesus)

quarta-feira, 17 de maio de 2017

ESVAZIE-SE DO PESO DAS PREOCUPAÇÕES.


              Tem dias ou momentos em que você se "esgota" de "cansaço" ou de "preocupações" por correr intensamente atrás dos resultados que espera mediante um propósito pelo qual está lutando. Também há ocasiões em que você se "exausta" profundamente por tantas aflições, impossibilidades, frustrações ou contratempos com os quais se depara diante da rota que está tentando trilhar. No entanto, algumas das tuas preocupações e esforços são "desnecessários", à medida que tudo o que estava a seu alcance já foi feito para atingir o alvo desejado. E embora você ainda não tenha obtido a conclusão do que deseja, não adianta se "angustiar", e deixar se dominar pela "ansiedade" que pode causar o desequilíbrio de tuas emoções, e da tua saúde física. Não queira mudar o que não depende de você, tampouco queira agir e tomar decisões por outras pessoas, não carregue para si o peso das responsabilidades que não são suas, e nem assuma a culpa pelo que não está dando certo, quando os resultados não só dependem de você. Respire tranquilamente, relaxe pacientemente, e deixe-se guiar conforme o ritmo das circunstâncias.

A palavra para hoje é TRANQUILIZAR-SE​.


terça-feira, 16 de maio de 2017

DEUS TE OUVE, FALE COM​ ELE.


                Quando as dúvidas te preencherem​ de perguntas sem respostas, quando as decepções rasurarem o teu coração, quando o trajeto se agigantar perante os teus passos cansados, quando tuas tentativas fracassarem mediante a realização de teus objetivos, quando os obstáculos te impedirem de seguir adiante, e quando o fardo parecer mais pesado do que você pode carregar, "converse com Deus". Há momentos em que "nada" e nem "ninguém" ao teu redor pode te ajudar diante de tuas angústias e preocupações. Há situações em que você pode sentir-se perdido, sem rumo, sozinho, em meio aos dilemas que parecem não ter soluções. Há contextos e circunstâncias que realmente te deixam sem perspectivas positivas, e você aspira ansiosamente por uma luz, por uma possibilidade, por uma mão que te sustente para você não cair e não desistir. Mas lembre-se, sob qualquer vendaval, em meio a qualquer adversidade, há um Deus infinitamente misericordioso, que ouve todos os prantos, que acalma qualquer tempestade, que desata todos os nós, e que pode realizar a qualquer momento o impossível. Por isso, não se "desespere" e nem se "revolte" diante das impossibilidades, dos desafios e da ausência de resultados concretos, pois tudo aquilo que você falar para Deus, tudo aquilo que partilhar com Ele, será ouvido, e terá de fato uma resposta no tempo certo, e o mais extraordinário​ é que o teu coração já começa de imediato a ser "consolado" a partir do momento que você dobra seus joelhos e dirige seus pensamentos para Ele.

A palavra para hoje é ORAÇÃO.


segunda-feira, 15 de maio de 2017

EMPENHAR-SE INCANSAVELMENTE.


         Normalmente nos "cansamos" perante alguns percursos que trilhamos, nos "desmotivamos" ou nos "frustramos" diante de certas situações difíceis e complicadas que enfrentamos, e nos "afligimos" e nos "preocupamos" mediante alguns momentos e barreiras que dificultam o ritmo natural de nossos passos. Algumas vezes temos a impressão de que o caminho que estamos percorrendo é mais tortuoso e cheio de pedras do que o trajeto das outras pessoas, e que a realização dos objetivos que estamos tentando alcançarmos é muito mais difícil do que imaginávamos, e por isso, sob determinadas circunstâncias pensamos que "talvez" não conseguiremos alcançar a vitória. Mas, por mais "dificuldades" que encontremos diante dos nossos dias, diante das nossas lutas, das nossas buscas, não podemos nos "abatermos", nos "subestimamos", e jamais pensarmos em "desistirmos", porque ainda que tudo pareça distante do nosso alcance, nada justifica que deixemos de continuarmos "lutando", e nos dedicando aos nossos propósitos, pois as sementes que plantamos agora podem não está brotando, mas futuramente em algum momento germinarão.

A palavra para hoje é ESFORÇAR-SE.


sexta-feira, 12 de maio de 2017

SABER ESPERAR SEM DESISTIR DOS PROPÓSITOS.


            Sabe aquele desapontamento que bate quando você espera tanto por um resultado e ele não chega, ou aquela revolta que invade quando você se esforça determinadamente em prol de um propósito, e de repente percebe que seu empenho foi todo por água abaixo. Pois é, algumas impossibilidades e frustrações por vezes pode te deixar "desacreditado" diante de alguns contextos. De fato não é nada fácil continuar persistindo quando há tantas limitações mediante o caminho, além do mais quando tudo aquilo que você vem se empenhando para conquistar parece ficar cada vez mais difícil de ser alcançado, com inúmeros obstáculos se amontoando frequentemente, ou quando as coisas só vêm em migalhas, acontecendo lentamente e em partes. É difícil realmente lidar com as imposições do trajeto, e com a ansiedade que muitas vezes desestabiliza o emocional, em virtude das "demoras" que te impedem de obter os resultados que desejas, conforme o momento das tuas necessidades​ e esperas. Porém, é necessário aprender a "esperar" sem revoltar-se, e sem desistir​ dos objetivos e metas, pois se você não continuar seguindo em frente, ou perder o controle por causa das coisas que ainda não se edificaram, então poderá perder a oportunidade de desfrutar das realizações que ainda estão por vir.

A palavra para hoje é TEMPO.


quinta-feira, 11 de maio de 2017

LAMENTAR MENOS, AGIR MAIS.


              Muitas vezes temos a noção exata dos "motivos" e "consequências" daquilo que está nos incomodando, da situação que está nos aflingindo​, do problema que estamos vivenciando, mas no entanto, não tomamos nenhuma "atitude", porque pessimistamente achamos que não podermos alterar as coisas, por isso acabamos não fazendo absolutamente "nada" para "mudar"​ as circunstâncias indesejáveis, e ficamos nos consumindo nas "lamentações", e elastecendo a angustia de nossas "frustrações". De fato, e inevitavelmente, nem sempre podemos "impedir" certos acontecimentos e resultados, mas diante deles é imprescindível que não nos "paralizemos", e não nos "acomodemos" aos contextos negativos, para não ficarmos apenas "reclamando", e na "espera" das mudanças favoráveis, sem nada fazermos para obtermos respostas promissoras. Se nos encontramos "insatisfeitos" com o contexto que estamos vivendo, então precisamos "agir" com determinação, mudar nossa postura, fazer novas escolhas, e tomar uma nova direção.

A palavra para hoje é DECISÕES.


quarta-feira, 10 de maio de 2017

APENAS PACIÊNCIA.



              Perante todos os contratempos que bombardeiam o nosso dia a dia é imprescindível que tenhamos muita "paciência". Em meio as dificuldades que criam barreiras para tentar nos impedir de alcançarmos o que objetivamos, é necessário "paciência". Diante dos imprevistos negativos e das situações desfavoráveis, nada é tão mais essencial do que ter "paciência". Sob quaisquer circunstâncias que nos afeta com sofrimentos e dificuldades, se não tivermos "paciência" para nos conduzirmos por tais desafios cotidianos, não conseguiremos suportar as "esperas" necessárias até que os problemas se resolvam, até que as tempestades passem, e que as coisas voltem ao ritmo natural. Geralmente as "soluções" e "respostas" que esperamos imediatamente não chegam no tempo exato que queremos, portanto, saibamos lidar com as "demoras" que nos angustiam, porque independe da nossa vontade, há o propósito de Deus com hora certa para tudo acontecer.

A palavra para hoje é AGUARDAR.


terça-feira, 9 de maio de 2017

REAVALIAR AS CIRCUNSTÂNCIAS QUE NOS INSATISFAZ.


             Tudo aquilo que começa a nos "incomodar" quer dizer que algo não está no seu lugar certo como deveria ser. Seja um relacionamento afetivo, profissional, uma situação desconfortável, um contexto que nos desfavorece, ou seja algo em que estávamos nos dedicando, quaisquer que sejam as "circunstâncias" que não estejam sendo positivas, e que de certo modo nos causa algum incomodo, aborrecimento, desmotivação, ou mesmo frustração, tais circunstâncias precisam sejam revistas. É preciso que esse cenário seja repensado, que alguns aspectos possam ser modificados, para que assim as coisas entrem em um rumo mais favorável e satisfatório. Encerrar algo, ou iniciar, fazer alterações no comportamento, nas escolhas, nos projetos, e no próprio caminho, muitas vezes acarreta "dúvidas e medo", requer "coragem", mas é imprescindível em alguns momentos de nossa vida, para que algumas inquietações, desconfortos, decepções, e insatisfações possam ser dribladas, e aquilo que perece um problema, estagnado, insolucionável, ou imutável, ganhe uma nova rota, movimentação, e consequentemente prospere.

A palavra para hoje é MUDANÇAS.


segunda-feira, 8 de maio de 2017

ESTAR ATENTO AS POSSIBILIDADES DO HOJE.


         Muitas vezes perdemos tempo fazendo alguns planos, e deixamos de aproveitar oportunidades por nos privarmos de algumas experiências enquanto estamos aguardando resultados que talvez não cheguem. A vida realmente exige que nos comprometemos e nos dediquemos aos projetos e planos que podem nos levar a realização dos nossos objetivos. Porém, é preciso que saibamos dosar nossa "dedicação" e "administrarmos" nossas expectativas para que não nos frustremos demasiadamente quando algum de nossos propósitos não se realizarem conforme estávamos aguardando. Diante da luta por nossas conquistas "acreditar" é fundamental, "esforço" é imprescindível, e "planejamento" é indispensável, sobretudo, paralelo aos projetos que estamos arquitetando é muito importante estarmos "abertos" também a outros cenários, observando sempre o horizonte, e sabendo "explorar" e "aproveitar" as chances do agora que possibilitam outras oportunidades favoráveis. É necessário fazermos planos para o "futuro", mas é essencial também sabermos viver as possibilidades do "presente". 

A palavra para hoje é ATENÇÃO.


quinta-feira, 4 de maio de 2017

NÃO SE DOMINAR PELA IMPACIÊNCIA E O MAU HUMOR.


          Não adianta enfrentar as divergências com "arrogância" por achar que você é incontestavelmente o dono da razão. Tentar combater as opiniões contrárias e defender seu ponto de vista, não quer dizer para você travar uma "guerra" com aqueles que estão em posições diferentes da sua. Também não é se confrontando agressivamente com as pessoas ao seu redor, com grosseria, prepotência e intolerância, que você resolve seus problemas, que aquieta suas aflições e nervosismo, ou que se fará compreender pelos outros. Mesmo que você esteja carregado de "preocupações", buscando ansiosamente soluções para seus problemas, nada justifica o seu temperamento oscilante, sua mudança de humor, e nem mesmo sua rispidez impulsiva, mediante suas esperas exaustivas. Em meio aos conflitos e divergências, diante dos ventos desfavoráveis, das situações indesejáveis, perder o controle, ou vestir-se de ignorância, não facilita a resolução de nenhum dilema, apenas inspira ainda mais o mau humor, podendo magoar pessoas, ou até mesmo afastá-las do seu lado. Manter o "equilíbrio" das emoções é essencial para lidar com os momentos turbulentos e as inconstâncias cotidianas.

A palavra para hoje é AUTOCONTROLE.


quarta-feira, 3 de maio de 2017

EVITAR AS LAMENTAÇÕES.


                É cansativo de fato vivermos numa batalha cotidiana, sempre lutando por um propósito, tentando vencer desafios, enfrentando correntezas, correndo atrás de oportunidades favoráveis, tentando superar inúmeros obstáculos, e no entanto não vermos os resultados chegarem, não vermos os objetivos se constatarem, e vermos muitos de nossas tentativas e projetos fracassarem. Todavia, quando os nossos planos não estão se conduzindo conforme as nossas expectativas, reclamar, indignar-se, desmotivar-se, entristecer-se, ou até mesmo querer desistir, não irá mudar a realidade desfavorável. Sendo assim, não vale a pena nos contagiarmos pessimistamente com "lamentações", inundando os ambientes e incomodando as pessoas ao nosso redor com a negatividade de nossas insatisfações. O que não deu certo, não deu, mas ainda pode dar, ou novas rotas podem se seguidas, os planos refeitos, e inúmeras possibilidades podem está esperando para serem percebidas. Os "resultados" mudam conforme a "atitude" que tomamos, e de acordo com a maneira que nos conduzimos diante das "circunstâncias".

A palavra para hoje é REAGIR.


terça-feira, 2 de maio de 2017

DAR A VOLTA POR CIMA.


                       Mesmo que certas coisas "ainda" não tenham acontecido como a gente havia planejado, e se aquele projeto ou resposta que estamos esperando "ainda" não chegou dentro do tempo que a gente cronometrou, não quer dizer que "fracassamos", não significa que sonhamos em vão, nem que lutamos pelo propósito errado, tampouco isso quer dizer que não vamos conseguir o que estamos buscando. O tempo é composto de dias, um após o outro, e mesmo que diante de alguns desses dias tenhamos respostas negativas, ventos desfavoráveis, obstáculos imprevistos, demoras exaustivas e desafios pesados, não estaremos derrotados. Podemos sim, por vezes até ficarmos desmotivados, enfraquecidos e desacreditados, mas será apenas por momentos. A vida segue, independente dos nossos altos e baixos, por isso, se algo nos derruba, ou se um objetivo nosso não se realiza, o mundo não vai parar se a gente decidir ficar parado no meio do caminho. Somos "fortes" o suficiente para levantarmos todas as vezes que cairmos, para seguirmos em frente mesmo quando os contratempos tentarem nos jogar para trás, e somos "resistentes" o bastante para suportarmos as "demoras" do tempo perante nossas perspectivas e esperas. Mesmo que não tenhamos "ainda" obtido o que nos propomos conseguir, não vamos nos permitir ficarmos por baixo e pra baixo, tomemos "ânimo" e nos impulsionemos para o alto.

A palavra para hoje é DETERMINAÇÃO.


segunda-feira, 1 de maio de 2017

SUPORTAR O PESO DOS DIAS DIFÍCEIS.



                 Diante do ritmo cotidiano da vida nada é permanente, as coisas mudam com frequência o tempo todo, então se "hoje" o dia estiver ruim, poderá ficar melhor amanhã, se perante alguma situação indesejável estivermos negativamente por baixo, logo a maré mudará e ficaremos favoravelmente por cima, também se em algum momento estivermos enfrentando diversas dificuldades e imprevistos desafios, eles haverão de passar, pois os "altos e baixos" fazem parte do ciclo natural da existência humana. Porém algumas coisas "temporariamente" não mudam independente do que a gente faça, por isso é necessário lidar com essas circunstâncias desfavoráveis de forma "paciente e serena", suportando a fase dos contratempos, consciente de que dias mais leves virão.

A palavra para hoje é RESISTÊNCIA.

(Mariana Helena de Jesus)

sexta-feira, 28 de abril de 2017

PERSISTÊNCIA ACIMA DE TUDO.



                 É inevitável que algumas coisas não dêem certo diante do nosso percurso, também é impossível evitar que soframos decepções ao longo de nossas batalhas, que por vezes fracassemos perante nossas apostas, e que noutras nos desmotivemos quando nossos esforços não surtem o efeito que esperávamos. A vida é  inevitavelmente tão cheia de desafios e de dores, tão repleta de dificuldades e dissabores​, com tantas impossibilidades, quedas, perdas e ilusões. Mas, apesar de todos os seus "contratempos", e de todas as circunstâncias "indesejáveis", a "vida" é também um poço de "esperança" que transborda cada vez que levantamos ao raiar de um novo dia. E se "viver" muitas vezes dói, fere, e nos desaponta, no entanto, estarmos​ "vivos" nos confere a extraordinária "oportunidade" de lutarmos, de levantarmos​, de vencermos, de  cicatrizarmos, e de continuarmos "persistindo", independente das "limitações" que nos incentiva a desistir dos nossos propósitos.

A palavra para hoje é INSISTIR.

(Mariana Helena de Jesus)

quinta-feira, 27 de abril de 2017

NÃO PERDER O ÂNIMO.



           Se pensarmos de forma "derrotista" cada vez que algo que tentamos realizar tenha fracassado, então estaremos bloqueando o nosso pensamento para não  tentarmos outra vez. E se cada vez que as coisas não acontecerem conforme a gente planejou, nos mantivermos "pessimistas" quanto ao futuro, estaremos movimentando energias negativas que podem interferir no ambiente que nos cerca,, e consequentemente nos "desmotivar" intensamente diante daquilo que precisamos ter "ânimo" para enfrentar. "Acreditar" ainda que as chances de realizações sejam mínimas, nos permite renovar diariamente as nossas "esperanças", e nos reveste de "força" e "coragem" para nos levantarmos sempre que as circunstâncias desfavoráveis nos impulsionam para o chão.

A palavra para hoje é OTIMISMO.

(Mariana Helena de Jesus)


quarta-feira, 26 de abril de 2017

CUIDADO COM A IMPACIÊNCIA E A INTOLERÂNCIA.


             Às vezes por tão pouco diante de determinadas situações perdemos o controle de nossos impulsos e extrapolamos os limites de nossa paciência. Às vezes em meio a determinadas circunstâncias suportamos uma sobrecarga de tantas turbulências e dificuldades, que acabamos perdendo o equilíbrio do nosso senso e agindo precipitadamente, impensadamente, e desnecessariamente. Há dias e momentos que conseguimos enfrentar um turbilhão de problemas e obstáculos, já em outros, devido a tantos desgastes, frustrações e impossibilidades, já não aguentamos suportar quase nenhum contratempo. São dias assim, de cansaço e desmotivação, de preocupações e limitações, de revoltas e decepções, que muitas vezes "explodimos" facilmente, e podemos piorar ainda mais o nosso contexto, por não controlarmos nossa "impaciência" e "intolerância", agindo imprudentemente, e perdendo o controle sobre nossas palavras e atos. Por isso, quando sentirmos que uma situação está além do nosso domínio, é melhor recuarmos ou refletirmos antes de agirmos impulsivamente, para não nos arrependermos depois.

A palavra para hoje é SENSATEZ.


terça-feira, 25 de abril de 2017

O SACRIFÍCIO DA ESPERA.


           E mesmo quando os dias parecerem nublados, acinzentados, sem o brilho contagiante da nossa motivação diária, e sem a inspiração que rega as nossas perspectivas, é preciso que apesar de tudo isso, não percamos a "paciência" para sabermos esperar os dias de sol, os dias de alegrias e de realizações. A batalha cotidiana é de fato muito sacrificada, e subir ao pódio requer muita persistência, ponderação, além de muita agilidade para lidarmos com a "fase da espera", pois as sementes que plantamos ontem ou hoje podem levar mais tempo para brotar do que imaginamos. "Esperar" muitas vezes é "desgastante", é um "desafio", e até mesmo "desesperador" quando desejamos e precisamos de resultados imediatos, que venham para solucionar os dilemas que nos angustiam. Realmente é "revoltante" lutar tanto e ter que "esperar". Esperar e não ter respostas, esperar e não ver as oportunidades, esperar e não alcançar a vitória, simplesmente "esperar", sem nada poder fazer para acelerar o "tempo das concretizações". Contudo, o desafio maior não é apenas "esperar", é saber controlar a "ansiedade" para não perder a "serenidade" enquanto for necessário aguardar.

A palavra para hoje é CALMA.


segunda-feira, 24 de abril de 2017

ANALISAR OS PERCALÇOS DO CAMINHO.



              As "dúvidas" não podem permanecer mediante um percurso que decidimos trilhar. O "medo" não pode impedir que novos passos sejam dados diante do objetivo que queremos conquistar. Mas, "desistir" ou "continuar" são dilemas que naturalmente surgem no meio do caminho, também no início ou já no final, e esse sentimento de "hesitação" e de "insegurança" geralmente aflora quando as dificuldades se apresentam, quando os resultados esperados não se edificam, ou quando as nossas expectativas fracassam. Portanto, por vezes é natural "indagarmos" a nós mesmos ou a Deus, sobre o que devemos fazer, também nos pegamos tentando achar respostas, querendo saber se estamos fazendo a coisa certa, se devemos mudar o trajeto, se melhor seria trocar a rota, mudar o objetivo, ou desistir do alvo. E quando nos enchemos de "dúvidas" e "porquês" diante de algo que estamos tentando realizar, é porque não temos a plena "certeza" se estamos no caminho certo ou se devemos parar, então, sob esses aspectos é fundamental "analisarmos" e "reavaliarmos" os prós e contras da situação e do nosso trajeto, e daí tomarmos a decisão mais coerente, e fazermos a escolha mais favorável.

A palavra para hoje é REPENSAR.


sexta-feira, 21 de abril de 2017

NÃO DEIXAR AS DIFICULDADES NOS PARALISAR.



           Encarar a vida com todos os seus mistérios, desafios, e limitações, não é nada fácil, e requer muita ousadia, determinação, força e resistência, pois as batalhas e problemas cotidianos são frequentes e com dificuldades cada vez maiores. Algumas situações são desesperadoras, decepcionantes, injustas, e alguns dias são pesados, aliás, praticamente impossíveis de se viver. Mas a vida é justamente isso, esse mixto de experiências, boas e dolorosas, valiosas ou sacrificantes, vitoriosa ou fracassantes, alegres e tristes. Porém a vida é uma escola diária que nos permite crescer, amadurecer, evoluir... E apesar de todos os pesares, de todas as adversidades, não dá para parar no caminho e desistir, por isso, independente das dificuldades, sejam elas quais forem, é necessário ter "valentia" e "audácia" para enfrentar as responsabilidades e "continuar" na luta.

A palavra para hoje é CORAGEM.

(Mariana Helena de Jesus)


quinta-feira, 20 de abril de 2017

SABER AGUARDAR O TEMPO DAS RESPOSTAS.


             Muitas de nossas preocupações, de nossas ansiedades​, de nossas insatisfações e desmotivação, são consequências de resultados "não obtidos" diante de situações as quais aguardamos respostas positivas. "Aguardar" é sempre um processo difícil, especialmente quando envolve a resolução de problemas que roubam a nossa tranquilidade. E da mesma forma que não conseguimos atropelar a naturalidade do tempo, e "adiantar" o período de uma noite para chegarmos logo ao dia seguinte, há também determinadas situações problemáticas que enfrentamos, em que nada do que fizermos irá "acelerar" o tempo que trará a solução para os nossos dilemas. E é diante de circunstâncias como essas, que cultivar o exercício da "paciência" é o único "caminho de equilíbrio", que pode nos fazer suportar serenamente as aflições que nos angustiam sem hora certa para terminar.

A palavra para hoje é ESPERAR.


quarta-feira, 19 de abril de 2017

ASAS DA FÉ.


           Sob as tempestades de nossa vida, nos momentos de provações, nas fases de sofrimentos, e nos trajetos de dificuldades, normalmente ficamos "cansados", "enfraquecidos", "desmotivados", e muitas vezes vamos ao chão no ápice do desespero, por não estarmos conseguindo carregar o nosso fardo, por não estarmos conseguindo trilhar​ um caminho cheio de pedras e de espinhos. Porém, todos nós fraquejamos em algum momento, porque somos humanos, anjos terrestres com asas invisíveis, e por assim sermos, geralmente não vemos nossas asas, então esquecemos que podemos "voar". Voamos por meio da "fé" que nos transporta de um lugar a outro quando tudo parece impossível, fé que impulsiona nossa "força interior" a nos "reerguer​", nos motivando a "persistir", a "reagir", e a "continuar", mesmo quando o percurso parece intransitável, e que não suportaremos carregar o peso que está sobre os nossos ombros. Podemos até cambalear, diminuir o passo, mas "desistir" jamais"! Suportamos, nos restaurarmos, e seguimos adiante sempre, e isso nada mais é do que "voar" com asas invisíveis, um "voo" com asas da fé, e por isso é que nos superamos sempre, pois não nos permitimos ficarmos caídos​ o tempo todo.

A palavra para hoje é LEVANTAR-SE.